ROSÂNGELA, PRESENTE! (1959 - 2020)

 

"Linda homenagem para a grandiosa Rosângela. Eu senti a presença dela nos cantos dos passarinhos. Ela agora alça vôos mais altos." (ANDRÉ AZENHA)

 21dejunhode15

Rosângela e Vilmara Carmo - V Encontro de Mulheres Educadoras - 21 de junho de 2015

pt

SINPRO-DF

NOTA DE FALECIMENTO | PROFESSORA ROSANGELA MENESES PACHECO
JORNALISTA: MARIA CARLA 9 DE NOVEMBRO DE 2020

Com imensa tristeza e pesar, a diretoria colegiada do Sinpro-DF comunica o falecimento da professora de artes Rosangela Meneses Pacheco. Ela faleceu, nesse domingo (8/11), de falência múltipla dos órgãos em decorrência de uma leucemia. Seu corpo será cremado nesta terça-feira (10/11), às 10h, no Cemitério do Valparaíso.

Considerada uma guerreira pelos(as) colegas, era militante de primeira hora na defesa da categoria do magistério e da educação pública. Transparente, não se omitia nos seus posicionamentos políticos: era contra qualquer governo que tentasse impor o autoritarismo, a privatização da educação e dos serviços públicos e qualquer política neofascista.

Sempre acolhedora, ela emanava uma imensa alegria de viver. Era competente na sua profissão e sabia como ninguém a história da arte. Dentre muitas qualidades, era solidária com todos e todas. Mesmo depois da pandemia e da sua doença, ela contribuía com seus estudantes das Altas Habilidades.

Professora Rosangela se aposentou em 2015, mas, antes, atuou nas Coordenações Regionais do Guará e Núcleo Bandeirante. Professora Rosangela, presente!

Fonte: SINPRO-DF

 Zanza 01

Conselho de Cultura do Guará

·
NOTA DE PESAR PELO FALECIMENTO DA PROFESSORA ROSÂNGELA MENESES PAZCHECO

O Conselho Regional de Cultura do Guará, vem por meio desta, manifestar suas condolências à família da ativista cultural, professora, produtora e moradora do Guará, Rôsangela Meneses Pazcheco, que atuou profissionalmente na cidade e colaborou para que o Guará seja reconhecido como um grande Celeiro Cultural do Distrito Federal.
Dentre seus feitos, destacamos a criação do Coletivo Mulherau; a sua atuação enquanto professora, para alunos de Altas Habilidades no CEF 01 Guará, e a promoção de eventos com bandas de rock de todo o DF, que realizava junto com seu companheiro e marido Mário Pazcheco.
O CRC do Guará, presta homenagens a Rô (como era carinhosamente conhecida no meio artístico da cidade) e reconhece a sua colaboração, seu empenho e dedicação a cena cultural desta RA.

zanza 02

A ESTRELA BRILHA

por José Gurgel - Caixapreta, o Guerrilheiro ( 14 de novembro / 2020)

Estava dando uma olhada sobre as publicações no Facebook me deparei com uma crônica de um cara, Mário Pazcheco que tive imenso prazer de conhecer aqui no Guará, fã dos Beatles e Rolling Stones além é claro de outras grandes lendas do rock internacional e nacional.
Paixão essa traduzida por coleções a qual ele dedica uma paixão, que confessa ser quase doentia, só não suplantada pela companheira que a morte, essa desmancha prazeres de todos nós, levou recentemente.
Foi essa crônica simples e sincera, que chamou minha atenção, não resisti tive que reproduzi-la, pois externa com sinceridade, o amor e devoção que o Mário, do seu modo descreveu:
Uh! rock'n'roll de volta mais uma vez ao meu escritório, minha compulsão por vinis, gibis, livros e muitas colagens e montagens, shows norteou os 25 anos de nossa existência triunfal, onde eu peço perdão pela nossa última briga que no mesmo dia foi contornada. Tentei compreendê-la, eu mantinha uma estranheza para não perder o amor dela. Nesses 25 anos em que juntamos bens materiais emprestamos a eles o significado de união. Em nossos debates a Rosângela se dizia mais professora quando eu cobrava mais... em relação à produção. Ela era montadora de cinema, atriz de teatro, fã do Caetano e tem mais uma coisinha que tá passando batida, mas eu vou me lembrar. Ela era culta, eu sou burro.

Eu não vou fazer exposição, eu não vou escrever sobre ela, pois o jogo de coletar acabou. A obra da Rosângela era decorar a casa com o seu bom gosto em tudo, o seu projeto de uma nova cozinha, o nosso ateliê, fruto da grana dela e do meu suor.
Nosso canil e o maior legado, o seu gigantesco jardim onde o amor dela era a horta não comunitária.
No último voo ao Núcleo Bandeirante ela comprou comigo material para pintar. Eu preparava a transferência do seu ateliê para a churrasqueira onde passamos um ano lindo, um 2020.
A ficha talvez tenha demorado a cair, mas a grande e cristalina verdade, a grande estrela da casa era a Rosângela.

HOMENAGEM A ROSÂNGELA!

always

Esse céu lindo certamente foi obra da Rô! - Foto de Sheila Lee 

fotolinda

Anjas da Rô - Está foto é de mais ou menos de 2012 quando devido à hepatite eu quase pirei a Rosângela. No auge da loucura, eu a pedi em casamento, casaríamos na Igreja com a banda tocando Arnaldo Baptista. Realmente o interferon estava fazendo efeito. Foto linda do arquivo da Andrea B

"Parece que foi ontem!  As risadas ainda ecoam na minha cabeça e o abraço de despedida, super apertado, finalizado sempre com a frase: "Eu te amo" e a resposta: "Eu também te amo. Muito!", são lembranças que agora quase me sufocam de saudades! #RosângelaPresente Descanse em paz, minha amada amiga! Mário Pazcheco, te amo! Ana Luíza Meneses estarei contigo sempre! Amor eterno!" (JIHAN ARAR)

"Parece que foi ontem!
As risadas ainda ecoam na minha cabeça e o abraço de despedida, super apertado, finalizado sempre com a frase: 'Eu te amo' e a resposta: 'Eu também te amo. Muito!', são lembranças que agora quase me sufocam de saudades! #RosângelaPresente Descanse em paz minha amada amiga! Mário Pazcheco, te amo! Ana Luíza Meneses estarei contigo sempre! Amor eterno!" (JIHAN ARAR)

"Em tão pouco tempo tive a honra de vivenciar bons momentos com essa rara criatura. Me aconselhou e orientou em várias ocasiões, sobre vários assuntos! Certeira! Sábia! Como poucas... gente fina, elegante! Tão generosa e sorridente. Sentirei sempre a falta." (KATIA SANTOS)

125413053 3515888118478190 346375257477919751 n

"Querido Mario, tão confortante ver suas postagens e acalmar o coração ❤! Quanta falta a Ro vai dizer! Ser humano especial, grande alegria e generosidade! Está no céu."
(MÔNICA DORIA VILAÇA)

santa

"Rô era a Yoko... sempre... sempre... pra sempre." (IZABEL CRISTINA)

"Ela fez cursos de modelar vidro no museu da República... e também com barro... era apaixonada pelas artes e pela criação... um mistério. Cada um dentro de nós somos misteriosos..."
(IZABEL CRISTINA SOUSA)

"A Rosângela sempre me instigou a fazer algo, alguma coisa de construtiva que fizesse a diferença no mundo. Ela adorou o nome da lojinha de crochê virtual 'Agulhas Negras'. Não é possível ser improdutivo depois de conhecê-la! Grande mulher!" (MARIA HELENA)

"Ontem estava assistindo a novela das nove e vi a Rosângela na atriz Lilian Cabral fina elegante uma Leide erra assim a nossa Rô." (NARCISIA OLIVEIRA)

puta"Ontem (8/11/2020) minha querida tia Zanza partiu, cedo demais, nos deixando aqui com o coração dolorido e cheio de saudades. Sinto muita gratidão e orgulho por ter tido a presença forte dela na minha vida, ter me inspirado na sua forma de viver, de enxergar o mundo e de lutar pelo que acreditava. 
Ela foi professora de artes de escola pública, morava numa casa linda, com seu toque em cada detalhe, cheia de cores, quadros, livros, discos, plantas, bichinhos de estimação e sempre rodeada de amigos. Tia zanza com certeza fez diferença nesse mundo e marcou a vida de muita gente. Se preocupava muito em ajudar as pessoas necessitadas, militava por causas sociais e políticas, tinha uma personalidade revolucionária mas, ao mesmo tempo, gostava de passar seus dias em casa, cozinhando comidinhas saudáveis, cuidando do jardim, dos bichinhos e da família.
Titia, te amo muito e, por onde andar, vou te levar no meu coração! Prometo viver honrando a sua memória, do jeito que vc me ensinou, intensamente, com alegria e fazendo minha parte por um mundo melhor. Vá em paz!! Muita força e luz pra minha priminha linda e pro tio querido. (SARAH MENESES)

"Grande figura essa minha amiga Rô! Foram muitos anos de bons encontros e troca de saberes..
Pessoa generosa, gostava de presentear as amigas com mudas de plantas, as últimas que ela me deu foi um pé de figo e um abacateiro para plantar em vaso. Me dava um pito quando não via o que ela tinha me dado em algum lugar, coisas de Rô rsrs." (MARIA CRISTINA)

"Mérmão, não consegui ler tudo. É bonito.demais. E.te.falo, kamarah, verter lágrimas, não de.dor: de alegria sinérgica. Mas vou respirar.fundo e ler tudo, eis que me alimenta e me reinventa com tanta densidade vital. Amo as.pessoas que fazem. Arte (ars) significa "fazer". Talvez não.o verbo pós.induatrial.de.hoje. Como você tão brilhantemente.narrou: o fazer singularíssimo de Rosângela. Em oposição a minha/nossa (nao tua) ação artística de papaguear os cânones do.rock. Não quero ser.novo de.novo. Quero saborear os tijolos.que.empilhei, porque são a minha vida. Se Kafka existe em nós... Se.Espinoza.
Se vocês produziram o maior.e.interminável.show de.rock... A poesia que ninguém lê; o texto in albis: valem a pena! GRATIDAO, IRMAO!" (ARAKEN RODRIGUES)

"Em tão pouco tempo tive a honra de vivenciar bons momentos com essa rara criatura. Me aconselhou e orientou em várias ocasiões, sobre vários assuntos! Certeira! Sábia! Como poucas... gente fina, elegante! Tão generosa e sorridente. Sentirei sempre a falta." (KATIA SANTOS)

Articles View Hits
8797660

We have 568 guests and no members online

Download Full Premium themes - Chech Here

София Дървен материал цени

Online bookmaker Romenia bet365.ro