IMAGEM E LINGUAGEM: DOIS CLIPES SIMULTÂNEOS DOS DILETANTES DO SOL (2021)

DILETANTES DO SOL LANÇAM DOIS CLIPES SIMULTANEAMENTE

df 

“Right” e “Complexo”, são clipes  sobre questões existenciais que marcam a nova leva de composições dos Diletantes do Sol, projeto guaraense. Diletantes do Sol foram iluminados pelo underground, de Brasília nos anos 90. Tempos vividos e curtidos na flor da idade pela dupla Marcello Diletante e Riccardo Diletante. Diletantes do Sol foi criado em 2003, resultado da confluência de gostos dos compositores, com referências colhidas nas variantes do rock e na literatura e na busca espiritual. Ambos os clipes levam a assinatura do jornalista, Pedro Wolff.

Marcello foi o principal letrista e cantor da banda Política do Êxtase, e Riccardo tocou guitarra na Warehouse of Fables. O nome Diletantes do Sol revela a amadora dedicação à música (diletantismo), e o gosto pela poesia e misticismo (referência ao astro-rei).

A música “Right”  aprofunda uma discussão profunda e interna sobre as vicissitudes da vida, cujo refrão diz: “não quero estar correto, quero ser verdadeiro”, ilustrado nas cenas belas colhidas de  DAUNBAILÓ, 1986, comédia independente do diretor Jim Jarmusch. Foi a temática escolhidas pelos dois músicos para ilustração de seus clipes: mescladas com imagens de filmes referências e cenas locais de suas aventuras pelo Guará, como o icônico edifício Consei. Prevalecendo a estética soturna herdada dos pós-punk vivido pelos meninos.

“Complexo” já  fala da dificuldade do homem de chorar, ganhando um ar acelerado pelo filme METRÓPOLIS, de Fritz Lang.

"A colagem foi feita por filme de predileção do músico. E eles, jovens anos 90 absorveram toda a influência da década anterior. Eles são pós-punk." (PEDRO WOLFF)

Articles View Hits
9502532

We have 1076 guests and no members online

Download Full Premium themes - Chech Here

София Дървен материал цени

Online bookmaker Romenia bet365.ro