PAUL McCARTNEY PARTICIPA DE MARCHA CONTRA ARMAS PARA HONRAR JOHN LENNON

quarteto
MARVEL COMICS ANUNCIA O RETORNO DO QUARTETO FANTÁSTICO ORIGINAL
Por Sérgio Codespoti - http://www.universohq.com/noticias/marvel-comics-anunciou-o-retorno-do-quarteto-fantastico-original/

29 mar. / 2018 - A Marvel Comics anunciou o retorno do Quarteto Fantástico original: Sr. Fantástico, Mulher Invisível, Tocha Humana e Coisa.
Antecedendo o anúncio, foram feitos três tweets no perfil da Marvel. O primeiro com uma imagem dos X-Men, o segundo com uma do Homem-Aranha e o terceiro mostrando os Vingadores.
Finalmente, C.B. Cebulski, o editor-chefe da “Casa das Ideias”, anunciou o retorno do Quarteto em um vídeo de quatro minutos. Para encerrar, a editora divulgou a quarta imagem, um gif animado com o sinal do Quarteto Fantástico em chamas, que se transforma no logotipo da equipe.
A nova revista da superequipe será mensal, com enredo de Dan Slott e desenhos de Sara Pichelli, e tem previsão de lançamento para julho.
O Quarteto foi dissolvido em 2016, após o evento Guerras Secretas, que reconstruiu o Universo Marvel. Desde então, apenas Johnny Storm e Ben Grimm – respectivamente, Tocha Humana e Coisa – marcaram presença nas revistas da editora.
Em 2017, uma edição especial de Marvel Legacy incluiu uma sequência curta com Franklin e Valeria Richards. Neste ano, Coisa e Tocha se reuniram nas páginas de Marvel 2-In-One, de Chip Zdarsky e Jim Cheung, numa aventura em busca do resto do Quarteto, na esperança de achar a cura para a perda de seus poderes.

HQ REVELA QUE PERSONAGEM CLÁSSICO DA MARVEL SERÁ PAPAI
https://jovemnerd.com.br/nerdbunker/hq-revela-que-personagem-classico-da-marvel-sera-papai/

quarteto-e1522258072669-760x428

A edição #598 da HQ do Homem de Ferro revelou que a família Marvel vai crescer, com um clássico personagem da editora se tornando papai.

28 mar. / 2018 - Victor Von Doom, o Doutor Destino, terá um filho com a dra. Amara Perera, uma das mais importantes cientistas do Universo Marvel. A edição terminou com a revelação e mais detalhes não foram anunciados por enquanto.

Nos últimos tempos, von Doom se tornou mais um anti-herói do que um vilão propriamente dito: quando Tony Stark entrou em coma após os eventos de Guerra Civil II, o Doutor Destino decidiu que assumiria o papel de Homem de Ferro, se tornando o Infamous Iron Man e ficando nessa área moral cinzenta dentro da Casa das Ideias.

Leia mais sobre: Marvel, Quarteto Fantástico

MARVEL ANUNCIA “MORTE DOS INUMANOS” NOS QUADRINHOS!

POR LUCAS RAFAEL / https://legiaodosherois.uol.com.br/2018/marvel-anuncia-morte-dos-inumanos-nos-quadrinhos.html

legiao fOqT WZdpgQ0nShlCPREsFNKB1crIu6VoMjmy4Jva8.jpg

– Qual será o futuro da Família Real?

28 mar. / 2018 - Parece que a história dos Inumanos está chegando ao seu final derradeiro nas páginas da Marvel. Hoje, a editora anunciou Death of The Inhumans ("Morte dos Inumanos"), um novo projeto do escritor Donny Cates (Thanos, Doutor Estranho) e do artista Ariel Olivetti.

Ainda não se sabe o que o título sugere de fato para o futuro dos Inumanos no Universo Marvel, mas certamente parece embalar uma mudança surpreendente na franquia de quadrinhos. Conforme os anos se passaram, a impressão era de que a Marvel tentava cada vez mais gerar popularidade para os personagens dos Inumanos em seus quadrinhos, rivalizando-os até com os Mutantes dos X-Men.
Vale lembrar que a Família Real dos Inumanos foi adaptada recentemente para uma série, que obteve algumas das piores críticas do Universo Cinematográfico da Marvel. Será que o destino dos personagens nos quadrinhos é um reflexo deste fracasso ou a Marvel conta com algumas cartas na manga para os personagens?
Nos quadrinhos, acompanhamos geralmente as aventuras da Família Real, Inumanos que governam os demais por meio de castas. Eles geralmente são seres humanos que foram modificados através de experiências genéticas dos alienígenas Kree em seus antepassados. Os Inumanos contam com personagens dotados dos mais variados poderes e aspectos físicos.
Confira a sinistra capa liberada para Death of The Inhumans:legiao lWBIiw5JkXYFxSEKTqtd0ZOguUGc3e2yHh48Lr ACo

 BANDA BRASILIENSE RIVER PHOENIX ANUNCIA SEU NOVO DISCO EM VINIL

RIVER PHOENIX, O AUTÊNTICO À MOSTRA

 CHARLES MANSON: GUNS N' ROSES E BEACH BOYS FORAM TOCADOS NO FUNERAL

Por João Paulo Andrade, Fonte: Porterville Recorder

27 mar. / 2018 - Charles Manson foi velado e cremado no dia 17 de março, em Porterville, Califórnia, em uma cerimônia para cerca de 20 familiares e amigos. Durante quatro meses depois de sua morte a posse dos restos mortais do assassino foi disputada por parentes e amigos, e foi finalmente ganha pelo neto Jason Freeman.

Faixas do maníaco foram tocadas na cerimônia, inclusive duas delas que ficaram famosas em covers do Guns N' Roses ("Look At Your Game, Girl") e Beach Boys ("Never Learn Not to Love", versão de 'Cease to Exist").

Manson morreu em 17 de novembro de 2017, aos 83 anos, de falência respiratória e cardíaca após sofrer de câncer no intestino.

tom ze

"TOM ZÉ É UM MEDROSO E NÃO FALA MAIS DE POLÍTICA”, DIZ O MÚSICO BAIANO

 Por: Eduardo Knapp/Reprodução Por: Redação BNews

26 mar. / 2018 - O músico baiano Tom Zé decidiu que não falará mais sobre política em suas composições. Em entrevista à colunista Mônica Bergamo, do jornal Folha de S. Paulo, o artista natural de Irará contou a motivação do seu silêncio sobre o tema.

Em fevereiro do ano passado, quando cantor fazia uma série de músicas contra o governo Michel Temer, o músico se tornou alvo de uma enxurrada de mensagens de ódio na internet. “Era como se a porta estivesse cheia de gente para jogar pedra em mim”, descreve Tom Zé.

Entre as canções estava a “Fora Temer”: “Sem temer, fora fora Temer”.

“Quase toda semana eu lançava uma na internet. Contra atitudes que o Temer tomava, [contra] o juiz que ele botou no tribunal [STF]”, relembra. “Aí, o covarde entrou em cena. Pode dizer isso, se você quiser, porque não tem outro jeito. Tom Zé é um covarde”, reitera o artista., que complementa: Tom Zé é um medroso e não fala mais de política".


PAUL MCCARTNEY PARTICIPA DE MARCHA CONTRA ARMAS PARA HONRAR JOHN LENNON

“Um dos meus melhores amigos foi morto por arma de fogo”. Paul McCartney manifestou-se contra as armas em memória de John Lennon

 O ex-Beatle juntou-se à marcha anti-armas que se realizou em várias cidades dos EUA

Paul McCartney juntou-se este sábado à marcha anti-armas que teve lugar em diversas cidades dos EUA, relembrando John Lennon, seu antigo colega nos Beatles.

À CNN, o músico disse que a marcha "era importante" para si, já que "um dos meus melhores amigos foi morto por arma de fogo". Uma referência à morte de Lennon, em 1980, após ser baleado por Mark David Chapman.

A marcha de ontem juntou milhares de pessoas, incluindo vários estudantes, que pediram maiores restrições no acesso às armas naquele país.

Denominada March For Our Lives ("Marcha Pelas Nossas Vidas"), foi organizada poucas semanas após mais um tiroteio numa escola norte-americana, que provocou a morte a 17 pessoas. (http://blitz.sapo.pt/principal/update/2018-03-25-Um-dos-meus-melhores-amigos-foi-morto-por-arma-de-fogo.-Paul-McCartney-manifestou-se-contra-as-armas-em-memoria-de-John-Lennon)

O ex-Beatle se juntou a March for Our Lives, uma manifestação que pede maior controle de armas de fogo nos EUA
Por Fernanda Tsuji  - https://mdemulher.abril.com.br/famosos-e-tv/paul-mccartney-marcha-armas-john-lennon/

gettyimages-937355656
Paul McCartney participa de marcha contra armas para honrar John Lennon
(Spencer Platt/Getty Images)

24 mar. / 2018 - Depois de tantos massacres em escolas e ataques a civis, milhares de pessoas tomaram as ruas dos EUA, neste sábado (24), para pedir que que haja um controle maior de armas de fogo no país. Muitos famosos também se uniram à March for our Lives (Marcha por nossas vidas), mas um rosto emocionou quem estava no ato que rolou em Nova York. Paul McCartney apareceu vestindo uma camiseta que dizia: “Nós podemos parar a violência com armas de fogo”.

“Um dos meus melhores amigos foi vítima de violência com armas de fogo perto daqui, então é importante pra mim”, decla

rou o ex-Beatle ao canal CNN. O amigo em questão, claro, é John Lennon, que foi morto por Mark David Chapman. O músico foi baleado em 8 de dezembro de 1980, quando saia de seu apartamento em NY. Paul disse que não sabe se as manifestações ou qualquer outra coisa consiga acabar com a violência, mas que “isto é o que nós podemos fazer, então eu estou aqui para dar apoio às pessoas”.

CNN

"One of my best friends was killed in gun violence right around here, so it's important to me," says Paul McCartney, remembering his Beatles bandmate John Lennon at the March for Our Lives in New York City https://cnn.it/2G4GdcB

O ato contra armas de fogo ganhou mais força, depois do ataque que matou 17 pessoas em uma escola em Parkl

and, na Flórida, em fevereiro deste ano. Para que massacres assim sejam evitados, estudantes, jovens e manifestantes pedem o endurecimento do controle de armas, a proibição da comercialização de fuzis, carregadores e maior fiscalização na venda para pessoas com antecedentes criminais.

Famosos como Lady Gaga, Ariana Grande, Demi Lovato e Miley Cyrus participaram dos atos, que também rolaram em outros países. No Brasil, manifestantes ocuparam, pela manhã, a frente do Consulado dos Estados Unidos, em São Paulo.

 
NOVA EDIÇÃO DE THOR CONTA A ÚLTIMA AVENTURA DE

 JANE FOSTERSTL073919-720x1092
 

Alguns dizem adeus, outros dizem olá
POR JESSE SCHEDEENhttp://br.ign.com/marvel-comics/60069/news/nova-edicao-de-thor-conta-a-ultima-aventura-de-jane-foster
O arco A Morte do Poderoso Thor chegou ao fim nos Estados Unidos -- e já sabemos se este realmente foi o final definitivo da história de Jane Foster.

 22 mar. / 2018 - Jane Foster está fugindo da morte já há algum tempo. O próprio Doutor Estranho chegou a alertá-la que, caso ela se transformasse em Thor novamente, seu corpo, gravemente danificado por causa de um câncer terminal, sucumbiria. No entanto, com a chegada do vilão assassino de Deuses conhecido como Mangog, não havia opção que não fosse destruí-lo para salvar a todos -- mesmo que isso custasse a vida da guerreira.

Odinson, o Thor original, e Odin chegaram a tentar conter o monstro por conta própria, mas não obtiveram bons resultados. Como seus esforços pareciam inúteis, Jane pediu para que ambos a deixassem sozinha com Mangog e o amarrou com as correntes projetadas para segurar o lobo Fenris até o dia do Ragnarok. Ela amarrou também o próprio Mjolnir ao inimigo e arremessou o martelo na direção do sol, de forma que ele fosse destruído junto com o vilão durante o trajeto.



0149a83d913ea055880a9dd7c7aff699349885f3a6-720x1114 

Arte de Russell Dauterman. (Marvel Comics)

Conforme sua conexão com Mjolnir foi se tornando mais fraca, Jane voltou a se transformar em uma humana a beira do morte e teve tempo apenas para beijar Odinson antes de morrer nas mãos dele.

0172e3e8c8f89f5b444d83633e812171a0e311a1f7-720x1118

Arte de Russell Dauterman. (Marvel Comics)

Para não deixar dúvidas a respeito do destino de Jane, esta edição de Thor foi concluída com uma imagem de Odinson segurando seu corpo sem vida.

010f58e434e796f527ae7971b226f13feca9c434ef-720x698

Arte de Russell Dauterman. (Marvel Comics)

Trata-se do final de uma era. O desfecho de uma jornada cuja importância para o título, como uma forma de renovação. Adeus, Jane Foster. Foi um final digno. Agora resta saber se e como Odinson vai lutar para reconquistar sua posição de Deus do Trovão.

INFOCHPDPICT000062353010

BENEDICT CUMBERBATCH PODE TER SIDO O ÚNICO ATOR QUE LEU O ROTEIRO COMPLETO DE GUERRA INFINITA. VEJA O QUE ELE FALOU:
por Tiago Dada - 20 Março 2018

20 mar. / 2018 - Um dos itens mais desejados por parte dos fãs nesse momento certamente é o roteiro de Vingadores Guerra Infinita. Digo parte, pois nem todo mundo quer estragar o impacto que os eventos da história causarão na tela grande. Então, Benedict Cumberbacth, o intérprete do Doutor Estranho, não se encaixa nesse grupo. Isso porquê, o cara pediu para ler o roteiro completo de Avengers Infinity War.

O motivo disso seria ampliar o entendimento do personagem no contexto geral da história. Pois bem, apesar disso parecer ser o normal para qualquer filme, Guerra Infinita e Vingadores 4 fogem à regra. O que acontece: A Marvel Studios guardou à sete chaves o script de maneira que pouquíssimas pessoas tivessem acesso ao mesmo. Afinal, já aconteceu né, algumas vezes, de atores como Mark Ruffalo (Bruce Banner/Hulk) falar mais do que devia. Com isso, a maioria dos atores teve acesso apenas aos trechos do roteiro que competiam às cenas que os envolviam diretamente.

Sobre esse “privilégio” do ator, Benedict Cumberbatch afirmou em conversa com a revista EW: " Eu tinha que ter um pouco da visão geral para entender o que eu estava fazendo nele. Talvez eu seja um pouco mais burro do que os outros atores envolvidos. Eu só precisava de um pouco de cuidado especial. E eles foram muito doces, me deram acesso a algo sigiloso […]

E continuou: "É apenas épico. O que eu pensava ser… simplesmente não tem limites. Uma vez que começa, não pára. Pare. É simplesmente uma ação animal, brilhante, aterrorizante, às vezes divertida, às vezes muito emocionante e implacável. É como se todos estivessem constantemente em crise, e se recuperando ao mesmo tempo, e é realmente de tirar o fôlego ler um script como esse. […] Tem muitas facetas para isso, mas acho que o principal para mim foi exatamente como os eventos e a ação foram absolutamente implacáveis."


 RINGO STARR RECEBE TÍTULO DE 'SIR' E SE TORNA CAVALEIRO DO IMPÉRIO BRITÂNICO

ringo coroado 2
Honraria vem 21 anos depois de seu ex-companheiro de banda Paul McCartney

POR O GLOBO  

Ex-baterista dos Beatles, Ringo Starr, mostra sua medalha após cerimônia que lhe concedeu o título de "Sir" - JOHN STILLWELL / AFP
 
20 mar. / 2018 - LONDRES — Aos 77 anos, o ex-baterista dos Beatles, Ringo Starr, se tornou membro da Excelentíssima Ordem do Império Britânico nesta terça-feira e poderá ser chamado de "Sir" a partir de agora. Brincando com repórteres após a cerimônia, o músico afirmou esperar que a mídia use o título quando se referir a ele.

Em cerimônia no Palácio de Buckingham, Ringo recebeu a honraria pelos seus serviços à música das mãos do Príncipe William, Duque de Cambridge, neto da Rainha Elizabeth II. O músico estava acompanhado da sua mulher, Barbara Bach, e brincou dizendo não saber como usar o título.

 — Não sei como o usar isso de forma apropriada, mas eu espero que vocês usem —, disse aos repórteres, mostrando a medalha a um jornalista da BBC.

Outro membro dos Beatles também já recebeu o título de "Sir": há 21 anos, Paul McCartney foi nomeado à ordem pela Rainha Elizabeth II.

Junto com Ringo Starr, Barry Gibb, da banda Bee Gees, o escritor Michael Morpurgo e a bailarina Darcey Bussell também receberam a honraria.

Leia mais: https://oglobo.globo.com/cultura/musica/ringo-starr-recebe-titulo-de-sir-se-torna-cavaleiro-do-imperio-britanico-22508400#ixzz5ArpweZtV

 NETO DE CHARLES MANSON FICARÁ COM OS RESTOS MORTAIS DO CRIMINOSO

Charles Manson foi condenado a prisão perpétua por organizar, em 1969, a morte de nove pessoas. Entre as vítimas está atriz Sharon Tate, que estava grávida.

Por Agencia EFE

bildea
 
Serial killer Charles Manson (Foto: California Department of Corrections and Rehabilitation via AP)  

13 mar. / 2018 - Um tribunal da Califórnia decidiu, nesta segunda-feira (12), que os restos mortais do criminoso Charles Manson são de responsabilidade de um de seus netos, informou o jornal local "The Bakersfield Californian".
Segundo a decisão do Superior Tribunal do condado de Kern, Jason Freeman, neto de Manson, será o único a manter o corpo do assassino, que morreu em novembro de 2017, aos 83 anos, para acabar com uma peculiar briga judicial.
Além de Freeman, Michael Brunner, que garante ser filho do criminoso; e Michael Channels, que era amigo por correspondência do Manson, também reivindicaram os restos mortais.
"É como um circo", disse em dezembro, um dos advogados que assessorou o condado de Kern, sobre a confusão judicial sobre o corpo de Manson.
O jornal afirmou que Freeman nunca conheceu pessoalmente seu avô, mas manteve relação por carta nos últimos oito anos, descrevendo Manson como "amável" e "generoso".
Desde a morte de Charles Manson, no dia 19 de novembro do ano passado, em um hospital da cidade californiana de Bakersfield, seu corpo foi custodiado nas dependências de uma unidade forense do condado de Kern.
Charles Manson foi condenado a prisão perpétua por orquestrar, em 1969, a morte de nove pessoas entre elas a atriz Sharon Tate, que estava grávida.
Estes brutais assassinatos tiveram uma tremenda repercussão na sociedade americana e marcaram simbolicamente o final da contracultura dos anos 1960 e do movimento hippie.

EXPOSIÇÃO EM SP CELEBRA 80 ANOS DE TOM ZÉ

A mostra, que reúne sua obra sonora completa, relembra os momentos mais marcantes da carreira do ex-tropicalista

POR NINA FINCOhttps://oglobo.globo.com/cultura/musica/exposicao-em-sp-celebra-80-anos-de-tom-ze-22486772#ixzz5B8q4zIkq

13 mar. / 2018 - São Paulo — Para Tom Zé, há uma ligação elétrica – “que une de repente como se fosse um raio” – entre sua obra e a exposição Tom Zé 80 Anos, inaugurada nesta terça-feira na Caixa Cultural São Paulo, na região central da cidade.

Não é apenas a relação entre o que está sendo mostrado e sua trajetória como artista, mas também o fato de que sua carreira não foi moldada ao redor de uma capacidade de falar de amor, mas de um dom de criar verdadeiras reportagens cantadas. Ele transformou em relatos musicais sua infância em Irará, onde nasceu, em Salvador, onde estudou, e a experiência na cidade de pedra desde que se radicou em São Paulo, nos anos 1970.

— Fui descobrindo os personagens das cidades e que eu podia contar histórias sobre eles. Me lembro que saía para a rua para aprender como era São Paulo para poder cantar. No centro, assisti São Paulo, Sociedade Anônima, de Luís Sérgio Person. Foi uma aula, saí arrepiado do cinema — diz.

‘Sinto que tenho 100 ideias, mas num disco só consigo colocar 60. Então estou sempre precisando trabalhar.’
 
A exposição reúne 24 discos completos, quatro documentários, instrumentos criados pelo artista, trechos de músicas produzidas por ele ou que o inspiraram e uma linha do tempo. No pedaço mais histórico do centro, entre construções antigas, como o Pátio do Colégio e a Praça da Sé, Tom Zé 80 Anos conta para o visitante a história de quem passou a vida cantando histórias.

x tomze

Mais produtivo do que nunca

Aos 81 anos, Antônio José Santana Martins segue lúcido e produtivo. Enquanto responde perguntas e conta histórias que poderiam se estender infinitamente, o maquinário do cérebro não para de funcionar. O cantor, compositor e arranjador não consegue se conter quando surge uma ideia para uma foto, ao lado de uma réplica de si mesmo em tamanho real. Para de falar e já se posiciona fazendo careta, esperando o clique rápido do fotógrafo.

Desde 2000, Tom Zé lançou 13 discos (esses e os mais antigos podem ser ouvidos completos na exposição). É a fase mais produtiva de sua carreira, que sofreu um hiato forçado entre 1980 e 1990, quando foi esquecido injustamente pelo movimento tropicalista de Caetano Veloso, Gilberto Gil e outros. Sua obra, ousada demais até para o movimento de contracultura, passou a ser classificada como algo de fora da Tropicália.

 — Tenho uma tese: eles produziram vários discos que foram consagradores. Então, puderam relaxar. Eu nunca consegui isso. Sinto que tenho 100 ideias, mas num disco só consigo colocar 60. Então estou sempre precisando trabalhar.

Sua declaração é humilde. “Com defeito de fabricação”, disco de 1998, figurou na lista dos dez mais importantes do ano pelo jornal "New York Times". Além disso, o disco “The best of Tom Zé”, produzido por David Byrne, ex-vocalista do Talking Heads, responsável por "resgatar" a carreira do baiano nos anos 1990, foi o único álbum brasileiro a figurar entre os dez mais importantes da década nos Estados Unidos.

Tom Zé também fez inúmeras turnês pela Europa e pelos Estados Unidos, além de ter recebido prêmios como o Troféu APCA (Associação Paulista de Críticos de Arte) de 1998 e Prêmio Governador do Estado de São Paulo – Destaque em música em 2010.

Desistiu das redes sociais

‘Um dia cheguei em casa, e (minha mulher) Neusa estava tremendo! Mais de 3 milhões de pessoas ameaçando a nós dois. Apagamos tudo e passei a ser um covarde. Nunca mais falei de política. Eu não tenho como me proteger.’

Homem de grandes experimentações e inovações, Tom Zé se diz afastado das redes sociais. Tentou uma breve incursão no mundo eletrônico no início dos anos 2010, mas sofreu com a repressão dos haters, quando eles ainda estavam em sua fase embrionária.

Em 2013, ao participar de uma propaganda da Coca-Cola sobre a Copa do Mundo, recebeu um sem-número de críticas, que o acusavam de vendido. Acabou doando o dinheiro recebido pela ação publicitária para a uma banda de sua cidade natal e também para sua mãe de leite, dona Maninha.

Mas respondeu também, do seu jeito, lançando o EP Tribunal do Feicibuqui, com 4 faixas temáticas, como a "Papa Francisco, Perdoa Tom Zé”, gravada com o grupo O Terno. Na ocasião, as músicas foram disponibilizadas para download gratuito.

Desistiu de vez das redes sociais depois de fazer canções de protesto ao governo do presidente Temer.

— Um dia cheguei em casa, e (minha mulher) Neusa estava tremendo! Mais de 3 milhões de pessoas ameaçando a nós dois. Apagamos tudo e passei a ser um covarde. Nunca mais falei de política. Eu não tenho como me proteger.

Ao fim da entrevista, Tom Zé tem pouco tempo para fazer as fotos. Só de olhar para o fotógrafo já sabe o que ele quer. Se coloca em frente a uma das imagens expostas com versos famosos de “Tô”, de 1976. Enquanto posa, ele canta, animado: “Eu tô te explicando pra te confundir/ Eu tô te confundindo pra te esclarecer,/Tô iluminado pra poder cegar, /Tô ficando cego pra poder guiar”. O baiano octogenário ainda tem mesmo muito para explicar e guiar.

 

Articles View Hits
7098908

We have 602 guests and no members online

Download Full Premium themes - Chech Here

София Дървен материал цени

Online bookmaker Romenia bet365.ro