doprópriobol$o ou donossobol$o ou ainda coceobol$o (2021)

pedra maluca
axila embebida em listerine
congresso de tolos

 coisadefan

Eu tenho 2 sites na internet, este era o mais velho, o tipo de coisa hipnótica e psicodélica que eu fazia. Fiz vários sites e não quero mudar nada. É auto boicote do inconsciente. O lance é mante-lo ardente entre as mãos. (originaldopropriobolso.com.br).

Nesta semana, me lembrei que faz 37 anos que tive a minha primeira coluna impressa, foi em 1987. Em 1991, eu descobri que livro não era fanzine, eu era analfabeto e nem dispunha de um bom dicionário. Depois, lá em 2003, fomos imensamente tropicalistas no site dopropriobol$o. Arrebanhamos um monte de seguidores e o melhor éramos jovens. O que me fodeu, foi não fazer concessões. Eu queria uma espaço abusado e escroto e foi o que construí, até hoje é assim. Quando eu quero posto uma boceta aberta na capa ou um poema. Um lixo digital sem pop-up e sem limite. Na coluna à esquerda, a dica do que procuram, seria muito fácil continuar esmiuçando a vida dos ídolos ou resgatando documentos perdidos que gastam uma eternidade de dedicação e inspiração para converte-los. Um portal jamais. A grade de 2021 foi a mais desafiadora por falta de assunto. Muita clausura. Neste jogo violento da sobrevivência pensei em mudar para donossobol$o ou coceobol$o. Foi então que a registro me aconselhou a comprar o dominio dopropriobol$o.com - acho a maior falta de seriedade, a maior picaretagem são tipo a Ecad. – Pra que servirá um outro domínio? Se ao digitar, você irá para o com.br? Qual o lucro disto? Enfim, o ranking de estrelas obtidos pelo site, nos transforma em quase constelação.

Dois exemplos quanto a números, eles não mentem. Francisco Kaq deve ter uma linha de apoio gigante, são 509 acessos em 24 horas no texto O REI COBERTO e o AZUL-CADILLAC sobre Roberto Carlos e a estreia da coluna Coisa de fã com Fabio da Silva Barbosa, um zineiro do Sul, chegou a alarmante quantia de quase 400 acessos. Isto reflete que o nosso trabalho segue firme. Uma ótima semana de resistência e de conquistas

A arte está distante de ser comunista, ela está socialista. Me enche o saco de só apelarem para o lado socialista da arte. Me enche o saco a audácia dos fantoches. De fazer da arte uma coisa fácil, coisa de entidade filantrópica: “o excesso de professores atrapalha”.

politica

Gordofobia

"Aí o povo fala: não, o pessoal passou fome. Olha, muitos brasileiros passam mal. Sei disso. Alguns passam fome? Sim, passam fome. Mas a média dos que passou (sic) a comer mais foi bem maior. Se você perguntar em casa, ou olhar para você e lembrar quanto você pesava no passado e pesa agora, na média, todo mundo engordou um pouco mais. É uma realidade. Vão querer debochar de mim, descer o cacete em mim, mas é uma realidade"

– E como estão os corres por aí? O que anda aprontando?

Oi, acho que é hora de avaliações do que você faz. É o que acontece comigo e com você – só que a sua percepção é mais antenada. Devo dizer que sou o típico cidadão feliz por receber uma mixaria no quinto dia útil de cada mês. Atualmente, faço uma coluna impressa quinzenalmente no jornal do bairro (voltei pela terceira vez) e faço o site porque é mais barato. Farei um ano de viuvez e em janeiro de 2022 me casarei. Não posso reclamar de nada. Faz quarenta dias que perdi meu pai aos 85 anos. Acho que estou ligado, aliás gente como nós não descansamos um só dia. Inimigo público número um dos Correios que com suas tarifas absurdas nos impedem de vender nossos livros ou escoar, então é no escambo, de máo em mão na base da troca. Quem não faz, não entende e é muita má vontade conosco. Seu trabalho nos torna os dias menos difíceis – forte abraço

Articles View Hits
9614437

We have 2052 guests and no members online

Download Full Premium themes - Chech Here

София Дървен материал цени

Online bookmaker Romenia bet365.ro