Na Estrada para Luziânia, para ver Serguei

02 (2)

 

31 de maio
Antes que esqueçam...
Antes de você nascer, nós já eramos um Stoner Babe!
Foi engraçado nessa hora teve alguém que falou só a banda (hehehe)
31 mai. / 2013 - a mais recente apresentação da Stoner Babe e sua segunda apresentação com dois bateristas.
Whiskrytório Bar, Pistão Sul, frente à Católica. CSG 05 Lt 14
Antes que se esqueçam...
Foi engraçado. Durante esse 'click' algum fotógrafo ordenou - Só a banda!
Teriam eles, enfim,  chegado ao estrelato?

 

Na estrada para Luziânia, para ver Serguei

boinabrasa

25 de maio de 2013 (sábado)
Valparaíso:
Boi na Brasa,agora uma churrascaria fantasma

Notas da estrada
Volante: Tiago Rabelo
Máquina fotográfica: Joelma de Sousa 
Som: Pazcheco
Banco de trás: Hamilton "Pernão" e Patrícia daSilva

Imagens
O olhar nada sutil de Lana Regis & a convivência no olhar de Joelma Antunes de Sousa


001 (8)

A estafada equipe de filmagem não vacilou durante a longa tarde e noite das filmagens


Na estrada procura-se deseperadamente por um banheiro ou uma Lan House. O tanque de combustível vazio e o carro pesado numa estratégia para economizar gasolina. Escapando da morte e da lateral de um carro que entrou na frente e reduziu sua velocidade. Êxtase e terror até o último segundo. Salvos. Podemos acender nossos cigarros e ouvir Led Zeppelin!

Tenho que arrumar um vinho barato ou algum barato para escrever o relato de estar no meio do Sarau Psicodélico com feiras e bares na praça da Administração da cidade de Luziânia-GO. Onde os shows mais quentes da carreira da banda Stoner Babe acontecem...

 

001 (5)

Eli Galvão: o andarilho dos penduricalhos canta Bob Dylan ao violão. Efígies de Janis e Jimi Hendrix compõem o manto sagrado onde ele vende suas mandalas.

 

001 (1)

 

001 (6)

Show Arregaço abre para o Serguei

001 (3)

001 (7)

Death Slam! quebra o recorde Usain Bolt do grind core: 20 músicas em 17 minutos!

 

001 (9)

Joelma Antunes é fotógrafa oficial d'Os Metralhas (nessa hora eu sugeri mudar o nome por uma apresentação para "Metralhados"). Fizemos várias fotos. 
O guitarrista Davi Kauss, observou que eu estou em meio ao show como crítico. Sua garganta estava meio rouca depois de três longos shows na semana. A cama deles com o final de Whole Lotta Love criou um clima perfeito para a entrada de Serguei + Pandemonium se os organizadores fossem mais arrojados.

02 (6)

001 (2)

Serguei chegou numa van escolar pensando que o show era em Brasília

001 (4)

Luz! Câmera! O Libertário!

O programa mais rodado da teve independete braziliense, na sua pauta prestigia o motociclismo e os encontros de seus motoclubes.  Sempre deslocam o set móvel do programa para o palco e  registram a constante saga dos adeptos da liberdade das rodas.
Magu Cartabranca e Rogério Águas mantém a programação  variando de pairagem em paisagens.
Curto e grosso: Pazcheco comenta que agora o material da construção da sede do próprio bol$o são as pessoas. E, aponta Irlam Rocha Lima como o maior divulgador do rock Brasília. Eles gostaram da entrevista eufórica e palpitante como dinamite. Prometem por no ar rapidamente.

02 (5)

Um Sarau pra lá de Psicodélico sob duas rodas na estrada

Local
Área externa do Centro de Convenções de Luziânia
Livre

Com o objetivo de fomentar as artes e a cultura e levando de forma plural e gratuita a todas as classes sociais, o evento Sarau Psicodélico vem a mais de 10 anos levando a toda a população de Brasília, Cidades Satélites e ao entorno além de outros estados, entretenimento em forma de música, poesia, artes plásticas e cênicas, em vários espaços que por ele é abrigado, como teatros, casas noturnas, bares, praças e foyers, alcançando assim uma enorme parcela da população que tem muita carência cultural.

Desta feita estaremos levando esse projeto a Cidade de Luziânia-GO, contando com apoio de amigos, simpatizantes e os próprios artistas que se predispõem em ajudar das mais diferentes formas, mas sem nunca perder a qualidade tanto artística como técnica. Além do objetivo primordial e cultural, temos o objetivo de fazer um intercâmbio cultural entre as cidades, os artistas e a população local, levando assim o nome da cidade no currículo cultural do Projeto Cultural Sarau Psicodélico.

Programa
Serguei e Banda Pandemonium (Rio de Janeiro)
Stoner Babe (Brasília) / Banda Malagole (Luziânia)
Davi Kaus e Irmãos Metralha (Brasília)
Death Slam (Brasília) / Turrón presidencial (Brasília)
Banda Ser (Luziânia) / Daniel Stell (Luziânia)

Intervenções poéticas
Cida Carvalho
Gerlany Simioni
Djair Diniz e convidados

Painéis e cenários artesanais
Cida Carvalho

Participação dos Motoclubes do Distrito Federal
Kamikazes MC / Rabugentos MCC / Noturnos MC
Cruz de Ferro MC / Hell Angel´s E outros...


Cinema On The Road
O evento será registrado através de fotografia, áudio e filmagem em alta definição (HD) para gravação de um DVD e divulgação através da Internet, sites e blogs especializadas, redes sociais, festivais e todas as formas de entretenimento.

Roteiro básico
Paralelo ao evento, o filme focará na rotina de uma rock band indo tocar em outra cidade, desta feita acompanhada por fãs e  motociclistas. Registrados em tempo real, alinhado por depoimentos, paradas nos postos da estrada, imprevistos, brincadeiras, sortilégios, enfim, o que acontece on the road. O cast integrantes dos moto-clubes, músicos e envolvidos relatarão suas participações. A concentração para a saída será em Taguatinga - DF no sábado após o almoço, pegando a estrada até a cidade de Luziânia - GO (70 km), onde acontecerá o show em praça pública, que contará com palcos, tendas e um estacionamento especial para as motos e triciclos. Esse evento culminará com a participação do Anjo Maldito, o grande o cantor Serguei ídolo do rock nacional, Será a sua segunda apresentação em Brasília em menos de 15 dias.

A ideia do filme é participar de festivais e mostras de cinema nacionais e circuitos universitários em outros países, não como forma competitiva, mas como mostra cultural, levando adiante o nome dos moto-clubes, das bandas, entidade e envolvidas a um reconhecimento internacional.

felix

Agente infiltrados

Não vou escrever sobre o roteiro que eu não li. Somente transparecer o que sinto: a realização do grande sonho de Félix Amorim, o guerreiro da guitarra de prata e seus Stoners Babes, mais uma vez em Luziânia, desta feita acompanhando, o novo voo do Anjo Maldito do rock nacional.

Eu estarei lá como motorista da equipe de filmagem. Carregando refletores, filmando papos transversais e eventuais guimbas no estacionamento.
Velocímetro colado e rostos conhecidos e marcas da estrada no destino de uma banda de rock indo ao encontro de seu mestre e inspirador.

Num certo momento, um contundente Serguei vira para Maguim e tasca: - Você é mais louco do que eu. Eu nunca conheci ninguém mais louco do que eu! Essa é a tônica do filme, registrar a liberdade sob duas rodas e expressar ação além dos filmes capitais, das asas e estúdios cênicos. Conseguiremos? Só Deus sabe e por favor Born to be wild.

 

Articles View Hits
7823928

We have 650 guests and no members online

Download Full Premium themes - Chech Here

София Дървен материал цени

Online bookmaker Romenia bet365.ro