PAPÉIS DE DIVÓRCIO DE JOHN LENNON O MOSTRAM COMO UM PAI AGRESSIVO (2015)

lizzie

Agencia EFE
14/02/2015 09h36 - Atualizado em 14/02/2015 09h36

paper
PAPÉIS DE DIVÓRCIO DE JOHN LENNON O MOSTRAM COMO UM PAI AGRESSIVO
Documento é baseado em testemunho de empregada da casa.
Ex-Beatle se separou da primeira mulher, Cynthia, em 1968.
Da EFE
 
 
Um documento redigido em 1968 pelos advogados da primeira esposa do músico John Lennon, Cynthia, que permanecia oculto até agora, apresenta o ex-Beatle como um pai agressivo que consumia drogas e traía a mulher.
O texto de cinco páginas, divulgado neste sábado (14) por uma casa de leilões britânica, é baseado no testemunho de Dorothy Jarlett, a empregada da casa que convivia com a família do músico quando começou o processo de divórcio entre Lennon e Cynthia.
Jarlett relatou aos advogados que John abusava cada vez mais das drogas, sofria mudanças de humor repentinas e repreendia com agressividade seu filho Julian, que tinha na época cinco anos.
O documento detalhou ainda como Jarlett se encontrou o músico na cama com Yoko Ono quando Cynthia estava viajando.
A empregada fez essa declaração no escritório de advogados londrino "Herbert Oppenheimer, Nathan and Vandyk", que remeteu a ela uma minuta do texto que conservou até sua morte, ano passado.
Antes que um juiz ditasse uma sentença de divórcio, o casal chegou a um acordo pelo qual o músico se comprometeu a pagar 100 mil libras a Cynthia e deu a ela a custódia de Julian.
"Até o verão de 1967 pensava que o casal era razoavelmente feliz. Há um ano o senhor Lennon não parece tão disposto como antes a levar a senhora Lennon a diversas atuações, gravações no estúdio, etcetera", narrou Jarlett no documento.
"A atmosfera parece que mudou, parece que há mais tensão. A senhora Lennon está com frequência deprimida e infeliz", detalhou a empregada, que trabalhou durante quatro anos para a família.
Jarlett afirmou que as mudanças no lar dos Lennon começaram "alguns meses depois de ele começar a consumir drogas".
"Sei disso porque comecei a encontrar droga em diversas partes da casa. Era claro para mim que o senhor Lennon fumava maconha. Todos esperávamos que fosse uma fase", continuou no depoimento, que sairá a leilão em 24 de março por um valor estimado de cinco mil libras (R$ 22 mil) na casa de leilões Ômega Auctions, em Cheshire, no oeste da Inglaterra.

 

Articles View Hits
6449215

We have 317 guests and no members online

Download Full Premium themes - Chech Here

София Дървен материал цени

Online bookmaker Romenia bet365.ro