NO ANIVERSÁRIO DA MORTE DE JOHN LENNON, YOKO PROTESTA CONTRA ARMAS DE FOGO

NO ANIVERSÁRIO DA MORTE DE JOHN LENNON, YOKO PROTESTA CONTRA ARMAS DE FOGO

Do UOL, em São Paulo / https://entretenimento.uol.com.br/noticias/redacao/2019/12/08/no-aniversario-da-morte-de-john-lennon-yoko-protesta-contra-armas-de-fogo.htm

8 dez. / 2019 – Yoko Ono aproveitou o aniversário da morte de John Lennon para postar um protesto por maior controle da venda de armas de fogo nos EUA. O ex-Beatle foi morto do lado de fora do apartamento que dividia com Ono em Nova York, no dia 8 de dezembro de 1980. "Caros amigos. Todos os dias, 100 norte-americanos são mortos por armas de fogo. Estamos transformando este lindo país em uma zona de guerra. Juntos, vamos trazer de volta a América, terra verde de paz", escreveu ela. 

"The death of a loved one is a hollowing experience. After 39 years, Sean, Julian and I still miss him. Imagine all the people living life in peace. Yoko Ono Lennon 8 December 2019#enoughisenough #peace #guncontrolnow #gunviolence #nra #guns #gunsafety #firearms #endgunviolence pic.twitter.com/0CfXkvEO93 -- Yoko Ono (@yokoono) December 8, 2019

"A morte de um ente querido é uma experiência que deixa marcas. Depois de 39 anos, Sean, Julian e eu ainda sentimos falta dele [John]. Imaginem as pessoas vivendo a vida em paz", completou, citando os filhos e um trecho de Imagine, hit de Lennon. Na imagem postada por Ono, podemos ver o óculos ensanguentado de Lennon, e a mensagem: "Mais de 1,4 milhão de pessoas foram mortas por armas de fogo desde John Lennon". Lennon foi morto por  um revólver de calibre 38.  

Yoko john

Yoko Ono diz que relacionamento com John Lennon arruinou a carreira de ambos
Um ano depois de se reunir com Ono, John Lennon saiu dos Beatles e se afastou do mainstream

Matheus Fragata / https://olivre.com.br/yoko-ono-diz-que-relacionamento-com-john-lennon-arruinou-a-carreira-de-ambos
This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

6 dez. / 2019 – Um dos casais mais polêmicos do século XX com certeza foi a dupla John Lennon e Yoko Ono. Os dois se conheceram em 1966. Mais tarde, o ícone dos Beatles se apaixonou pela artista plástica e eles se casaram em 1969. Entretanto, esse casamento encontrou bastante resistência por parte dos fãs.

Durante uma entrevista para o jornal The Telegraph em 2012, Ono lembrou o impacto que Lennon teve em sua carreira artística e, por outro lado, como o casamento deles afetou a direção da música dele.

“De certa forma, John e eu arruinamos nossas carreiras quando nos reunimos. Embora não estivéssemos cientes disso na época”, disse ela.

Um ano depois de se reunir com Ono, John Lennon saiu dos Beatles e se afastou do mainstream. Ela o encorajou a explorar mais músicas experimentais e ele chamou a atenção dela para o relacionamento deles e para longe de sua arte.

Ono não culpava o marido por eclipsar sua carreira e, ao ser questionada, ela disse que precisou escolher entre o amor e a arte: “Definitivamente (…) Quando engravidei, tive que me concentrar por nove meses inteiros, mesmo sabendo que estava prejudicando minha carreira”

Lennon permaneceu casado com Ono até 1980, ano de sua morte.

 

Yoko Ono queria que Elton John finalizasse as fitas deixadas por John Lennon ao morrer, mas ele se recusou
"Terminar as músicas que John [Lennon] havia começado a escrever... Eu não seria tão presunçoso", relatou o cantor de "Rocket Man"

Rolling Stone / https://rollingstone.uol.com.br/noticia/yoko-ono-queria-que-elton-john-finalizasse-fitas-deixadas-por-john-lennon-ao-morrer-mas-ele-se-recusou/

 
28 nov. / 2019 – Muito próximo de John Lennon, Elton John revelou que, pouco tempo depois da morte do ex-Beatle, em dezembro de 1980, ele e Yoko Ono tiveram uma pequena discussão, reforçando que se sentiu "péssimo" com a situação."Ela disse que precisava conversar comigo, que era urgente, que eu deveria pegar um avião para Nova York imediatamente", escreveu o cantor no livro Me: Elton John. "E então eu fui!"

"Ela me disse que havia encontrado várias fitas inacabadas que estavam sendo produzidas por John [Lennon] antes de morrer", ele continuou. "Ela me perguntou se eu as completaria, para que elas pudessem ser lançadas."

No entanto, Elton John disse que "simplesmente não queria" fazer isso, pois sentia que era "muito cedo" para dar continuidade ao trabalho de John Lennon.

"Na verdade, eu não achava que fosse a hora certa", acrescentou. "Terminar as músicas que ele havia começado a escrever... Eu não seria tão presunçoso."

"E a ideia de ter a minha voz no mesmo disco que ele - achei horrível", ele continuou. "Yoko era insistente, mas eu também."

O cantor de "Rocket Man" disse que se sentiu "péssimo" depois da "reunião desconfortável" com Yoko Ono. "Ela pensou que estava honrando o legado de John [Lennon], tentando cumprir os desejos dele, e eu me recusei a ajudá-la", relatou.

"Eu sabia que estava certo, mas isso não tornava a situação menos deprimente", disse ele sobre o choque de opiniões entre eles.

Por fim, Yoko Ono deixou as músicas como estavam e as lançou no álbum Milk and Honey, em 1984.

Articles View Hits
8494718

We have 443 guests and no members online

Download Full Premium themes - Chech Here

София Дървен материал цени

Online bookmaker Romenia bet365.ro