AEROSMITH: MIKE PORTNOY DETONA BANDA POR SITUAÇÃO COM JOEY KRAMER E CITA BILL WARD

kramer

AEROSMITH: MIKE PORTNOY DETONA BANDA POR SITUAÇÃO COM JOEY KRAMER E CITA BILL WARD

Por Igor Miranda, Fonte: SiriusXM / Blabbermouth
whiplash.net

22 jan. / 2020 – O baterista Mike Portnoy defendeu seu colega de profissão, Joey Kramer, e criticou a banda do veterano, Aerosmith, por impedi-lo de voltar à formação. Conforme noticiado anteriormente, a situação será resolvida na Justiça, já que Kramer processou os demais integrantes do grupo.

Membro do Aerosmith desde 1970, Joey Kramer acusa os colegas de de não deixá-lo retornar à banda após passar por um problema físico temporário. Ele ficou fora de shows em 2019 para tratar de problemas no ombro e tornozelo, mas quis voltar para a apresentação na cerimônia do Grammy, neste domingo (26). Os demais músicos o fizeram gravar sua performance no instrumento, em estúdio, como "teste", para ver se ele estava bem - em seguida, reprovaram o resultado da audição.

Portnoy falou sobre o assunto enquanto participava do programa de rádio do jornalista Eddie Trunk na rádio americana SiriusXM. Ele descreveu a situação como "ridícula" e mencionou outros casos envolvendo bandas clássicas no passado.

"Acho ridículo, ridículo. Onde está a lealdade? Você viu um show deles recentemente. Talvez Joey não esteja com o mesmo vigor de seus 20 ou 30 anos, mas ele está dando conta do recado", afirmou o baterista, ex-integrante do Dream Theater e atualmente em vários projetos.

Ele completou citando outras situações envolvendo bateristas mais velhos envolvidos com bandas de renome. "Vimos isso com Bill Ward não sendo autorizado a fazer a turnê com o Black Sabbath e Peter Criss, com o Kiss. Há algo a ser dito caso alguém não consiga, fisicamente, fazer isso mais. Porém, acho que Joey está dizendo que consegue", disse.

Mike Portnoy comentou, ainda, que uma apresentação no Grammy, provavelmente, só teria uma ou outra música. "Se o Aerosmith tiver um grande evento, eles vão tocar 'Walk This Way', 'Dream On' ou algo do tipo. Você está querendo dizer que Joey não consegue tocar isso? Tem que haver lealdade. Acho que há algo que precisa ser dito sobre lealdade a um membro original de uma banda", concluiu.

Ozzy Osbourne fala pela primeira vez sobre sua doença de Parkinson
Por Estadão /https://www.metrojornal.com.br/entretenimento/2020/01/21/ozzy-osbourne-parkinson-doenca.html

kramer 3
Ozzy Osbourne com sua filha, Kelly (esq.) e a esposa, Sharon - Emma McIntyre/Getty Images

21 jan. / 2020 – O cantor Ozzy Osbourne revelou que tem doença de Parkinson e falou sobre os diversos problemas de saúde que vem enfrentando desde 2019. Ele abordou o tema em entrevista para o Good Morning America, exibida nos dias 20 e 21 de janeiro.

"Eu tive uma queda feia e tive que fazer uma cirurgia no pescoço, o que prejudicou meus nervos", explicou o cantor ao lado da mulher, Sharon. Ozzy chegou a cancelar a turnê que faria na Europa, por causa de problemas de saúde.

 Sharon explicou que os médicos não sabem diferenciar o que seriam problemas nos nervos decorrentes da cirurgia e o que seriam consequências do Parkinson. Ozzy relata que há dias em que ele não sente partes do corpo, como o braço ou a perna.

O cantor disse que está tomando medicamentos para os nervos e para a doença, e que pretende ir à Suíça realizar um tratamento para melhorar sua imunidade. Em 2019, Ozzy teve uma pneumonia, uma gripe e uma infecção nas mãos, além de realizar diversas cirurgias na coluna e no pescoço.

"No próximo mês, fará um ano [da queda]. Foi o ano mais longo, miserável, doloroso e horrível da minha vida", comentou Ozzy. O artista disse que está com saudades dos fãs e que pretende retomar os shows o mais rápido possível. "Eu não vejo a hora de voltar, isso [não estar em shows] está me matando", disse Osbourne.

O cantor também deu detalhes da queda em fevereiro de 2019: "quando eu tive a queda… estava escuro, eu fui no banheiro e caí Eu fiquei ali pensando 'bom, olha o que você fez agora'. Sharon chamou uma ambulância e, desde então, tem sido ladeira abaixo".

Ozzy também rebateu boatos que surgiram no começo deste ano de que ele estaria perto de morrer. "Estou bem distante do leito de morte. Eu estou bem melhor agora do que estava em fevereiro do ano passado. Eu estava em um estado chocante."

Kelly, filha do cantor que já havia negado os boatos sobre o pai, também esteve na entrevista e falou sobre a condição dele. "Há alguns dias em que você aparece em casa e não há nada de errado com ele. E você pensa 'que ótimo, vamos para uma turnê mês que vem, então', e aí você volta no dia seguinte e nada aconteceu, mas ele não sente o braço e nem consegue levantar do sofá", disse ela. "A parte mais difícil é ver alguém que você ama sofrer."

Articles View Hits
8219971

We have 423 guests and no members online

Download Full Premium themes - Chech Here

София Дървен материал цени

Online bookmaker Romenia bet365.ro