Plastic Ono Band lança novos álbuns

30/06/2009 - 10h51

Yoko Ono lança novo álbum em setembro

A cantora e artista plástica Yoko Ono lançará dois novos trabalhos ao lado da Plastic Ono Band, informou o site Pitchfork.

O álbum "Between My Head and the Sky" deve chegar às lojas no dia 22 de setembro, enquanto o EP "Don't Stop Me!" está previsto para junho. Ambos os trabalhos serão lançados pelo selo Chimera Music.

Entre os convidados de Yoko Ono, estão o produtor Mark Ronson, a banda japonesa Cibo Matto e o cantor Sean Lennon, que também é seu filho.

O título do álbum remete à coletânea "Yoko Ono: Between the Sky and My Head", lançado no início de 2009, e que reúne a produção artística de Ono desde a década de 1960.

  Divulgação  
Yoko Ono Plastic Ono Band: Between My Head and the Sky 550
A artista plástica e cantora Yono Ono lançará novos trabalhos em setembro ao lado de sua banda

 

Mark Ronson vai tocar na Plastic Ono Band

Da Rolling Stone (21 mai. / 2009)

Nova encarnação da banda montada por Yoko Ono e John Lennon, em 1969, terá também Antony Hegarty, Cornelius e Sean Lennon; show de retorno acontece na Inglaterra, em junho


No próximo dia 14, a Plastic Ono Band, grupo sob comando de Yoko Ono, terá companhia de Mark Ronson, multi-instrumentista e produtor responsável por bombar o nome da então desconhecida Amy Winehouse na cena musical, em 2007.

De acordo com o site Pitchfork, a parceria ocorrerá na primeira apresentação da POB em solo britânico. Ao menos na nova formação do projeto, cuja primeira fase foi ao lado do marido, John Lennon, em 1969 - um ano antes, portanto, do Beatles acabar.

Reativada no começo do ano - a última menção à banda havia sido em 1975, na coletânea da carreira solo de Lennon, Shaved Fish -, a Plastic Ono Band fará show no Royal Festival Hall, em Londres, como atração do festival Meltdown (nesta edição sob curadoria da lenda do free-jazz Ornette Coleman, velho amigo de Ono). Além de Ronson, Yoko convocou outra penca de nomes do indie: Antony Hegarty (líder da banda Antony and the Johnsons) nos vocais, o músico japonês Cornelius (que tem, na lista de influências, de Beatles à brasileira Kassin + 2), a ex-integrante do Cibo Matto Yuka Honda e o filho (nepotismo?) Sean Lennon.

Em 1969, um ano depois de iniciada a balada de John e Yoko, o casal se juntou para formar o grupo conceitual. Dali nunca saiu álbum, mas o POB costumava vir creditado nos discos solos dos dois artistas (ex: John Lennon and the Plastic Ono Band). Já tocaram com o projeto Frank Zappa, Eric Clapton, Alan White (baterista do Yes), Billy Preston, Phil Spector (recentemente condenado por assassinato) e os ex-Beatles com quem Lennon não era brigado na época, George Harrison e Ringo Starr.

Dos "mago-madrinhos" mais badalados da cena musical, Ronson produziu de Winehouse e Lily Allen a Robbie Williams e Kaiser Chiefs. Com 33 anos, ele tem, ainda, dois álbuns como músico: Here Comes the Fuzz (2003) e Version (2007).

No repertório, músicas do próximo álbum de Yoko, Between My Head and the Sky, com lançamento previsto para o outono (primavera, para o Hemisfério Sul).

Não há nada de convencional nas performances de Yoko - mais conhecida por seu trabalho como artista plástica e, antes de tudo, por ser viúva de John Lennon, morto em 1980 (as roupas ensanguentadas que o ex-Beatle usava naquele fatal 8 de dezembro, aliás, foram emprestadas por Yoko à mostra John Lennon: The New York City Years). Como bem lembrou a equipe do site, a apresentação da performer no Pitchfork Music Festival, em 2007, consistiu basicamente em grunhidos e murmúrios dela, embalados pela guitarra de Thurston Moore, fundador do Sonic Youth.
Articles View Hits
7840196

We have 726 guests and no members online

Download Full Premium themes - Chech Here

София Дървен материал цени

Online bookmaker Romenia bet365.ro