Dados de usuários do Megaupload podem ser apagados na quinta-feira

 

 

Dados de usuários do Megaupload podem ser apagados na quinta-feira
http://hypescience.com/dados-de-usuarios-do-megaupload-podem-ser-apagados-na-quinta-feira/

 

Todo mundo já está sabendo que o FBI forçou o desligamento do Megaupload, desativando um dos maiores sites de compartilhamento de conteúdo da internet sob acusações de pirataria e violação de direitos autorais.

Desde que isso ocorreu, surgiu uma preocupação do que aconteceria com os dados dos usuários armazenados pelo serviço.

Parece que eles simplesmente serão excluídos, tão cedo quanto nesta quinta-feira. A Associated Press informou que uma carta da Procuradoria dos EUA entrou no caso, e nela estava dito que o armazenamento de dados no Megaupload pode começar a ser excluído já na próxima quinta.

A carta também explicava que, embora o governo tenha copiado alguns dados dos servidores, não os tomou fisicamente.
Oficialmente, eles não têm direito de acessar os dados.

Os servidores são efetivamente controlados pelas empresas Carpathia Hosting Inc. e Cogent Communications Group Inc., e parece que o futuro dos dados dos usuários está pelo menos em parte na mão delas. No momento, isso significa que as companhias planejam excluí-los muito em breve.

O advogado do Megaupload, Ira Rothken, explicou à Associated Press que a empresa está trabalhando para impedir que os dados sejam apagados. “Estamos cautelosamente otimistas neste ponto, porque os Estados Unidos, bem como o Megaupload, devem ter um desejo comum de proteger os consumidores”, disse.

Já até houve rumores de que usuários do Megaupload tentaram processar o FBI. Com o fechamento do site, não só os americanos, mas pessoas do mundo inteiro se sentiram prejudicadas. O que vai acontecer em seguida, ainda é mistério.

 

 Megaupload sai do ar após operação contra a pirataria
O Globo, com agências


Sete pessoas foram presas nos EUA e outras quatro na Nova Zelândia
http://oglobo.globo.com/tecnologia/megaupload-sai-do-ar-apos-operacao-contra-pirataria-3716879

 FBI

19 jan. / 2012 - NOVA YORK - Promotores do FBI de Virgínia revelaram ter fechado um dos maiores sites de compartilhamento de arquivos da internet, o Megaupload.com, e estão cobrando de seu fundador e outros funcionários envolvidos explicações sobre a violação de leis antipirataria dos EUA. Em represália, o grupo “hacktivista” Anonymous derrubou os sites do Departamento de Justiça americano, da Recording Industry American Association (RIAA), da Motion Picture American Association (MPAA) e do Universal Music Group. Também tentaram derrubar o site da Casa Branca sem sucesso. “Foi mesmo em retaliação à retirada do Megaupload do ar”, disse o porta-voz Barrett Brown, do Anonymous. “E mais vem por aí”.

Uma denúncia acusa a empresa responsável pelo Megaupload de causar mais de US$ 500 milhões em danos devido à pirataria de filmes. As empresas detentoras dos direitos autorais não foram citadas, mas, pelos títulos dos filmes no site, pode-se ter uma ideia das autoras da acusação.

O processo foi aberto nesta quinta-feira, um dia depois do “blecaute” coordenado e voluntário que tirou do ar milhares de sites em protesto contra Sopa e Pipa as duas propostas de lei que tramitam no Congresso americano destinadas a impedir a pirataria online de filmes, programas de tevê, games e outras mídias.

Os investigadores do FBI disseram que não havia ligação entre as detenções e a tempestade política sobre a polêmica envolvendo os projetos de lei.

O “Wall Street Journal” afirma que sete funcionários do Megaupload foram presos nos EUA e que outros quatro na Nova Zelândia, no que o FBI chama de uma ofensiva global contra a pirataria online.

A investigação já dura dois anos, dizem os agentes.

Site diz que responderá logo às acusações de pirataria

O Megaupload.com afirmou que irá responder o mais rápido possível às reclamações sobre material pirateado disponível na sua plataforma. A acusação formal contra o site diz que o Megaupload chegou a ser o 13º site mais popular do mundo, gerando US$ 175 milhões de receita criminosa.

“Embora vários parlamentares tenham renegado o Sopa e o Pip aontem, a ação do FBI contra o Megaupload provou que os agentes não precisam dessas leis para dar um golpe na internet”, escreveu o site RT.com sobre o caso.


Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/tecnologia/megaupload-sai-do-ar-apos-operacao-contra-pirataria-3716879#ixzz1jx4TogHz
© 1996 - 2012. Todos direitos reservados a Infoglobo Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

Articles View Hits
8063690

We have 505 guests and no members online

Download Full Premium themes - Chech Here

София Дървен материал цени

Online bookmaker Romenia bet365.ro