LOUIS ARMSTRONG REI DO JAZZ

Louis Armstrong rei do Jazz

(Gilbert Millstein*)

Louis armstrong
Trio Majestoso: Pixinguinha, Ari Barroso e Louis Armstrong! / Seus fãs têm chegado a arriscar a vida para ouvi-lo tocar
Louis Armstrong toca para sua esposa, em 1961 (Pássaros Do Estige)


Louis Armstrong (Satchmo) é conhecido e querido em toda a parte do mundo. Quando toca o seu famoso trompete, o público fica delirante de prazer e pede mais e mais, como se pudesse ficar a ouvi-lo para sempre.

Quando tocou em Londres no Royal Albert Hall, em 1956, a Orquestra Filarmônica Real, que devia executar o último número do programa, não pôde tocar durante quarenta minutos porque o auditório se recusava a deixar Satchmo sair. Na Costa do Ouro, (Ghana), no mesmo ano, tocou para 25.000 africanos, mas o chefe de polícia teve de lhe pedir que executasse música mais lenta, porque o auditório estava ficando excessivamente excitado!

Quando tocou em Berlim Ocidental, em 1955, os fãs de jazz atrás da Cortina de Ferro arriscaram a vida atravessando a fronteira para ouvi-lo. Na Noruega a polícia teve de usar mangueiras de água para dispersar um milhar de fãs que protestavam porque não puderam entrar em um de seus concertos.

Satchmo passou a infância num bairro pobre de Nova Orleqans, onde nasceu em 1900. Era um bairro turbulento e ele cresceu vendo brigas, esfaqueamentos e tiroteios. Louis frequentou a escola o tempo suficiente para aprender a ler e escrever. E nas ruas ele encontrou o jazz.

Naquela época havia nos bairros negros de Nova Orleans muitas orquestras que tocavam sua própria música tirada dos ritmos africanos de seus antepassados. Essas orquestras tocavam em toda a parte - em tabernas e cabarés, em casamentos e enterros, em piqueniques, desfiles e toda a espécie de comemorações. O pequeno Louis, chamado "Satchel-mouth" (boca de saquitel) ou "Satchmo", apelido que lhe foi dado por causa de seu sorriso largo, integrava o exército maltrapilho de crianças que seguiam as orquestras. À noite ele parava do lado de fora dos cafés, ouvindo a música tocada por negros que mais tarde iriam tornar-se famosos como músicos de jazz.

Louis conheceu a verdadeira pobreza. Para ganhar um pouco de dinheiro carregava carvão, trabalhava de lixeiro e vendia jornais. Algumas vezes tinha de procurar comida nas latas de lixo dos restaurantes. Ainda não tinha doze anos quando organizou um pequeno conjunto e começou a percorrer a cidade tocando a troco de níquéis.

Ele acredita que o ambiente em que foi criado lhe fez bem. Quando criança viu muito de bom e de mau e aprendeu uma lição que ainda hoje repete: "Uma pessoas não tem necessidade de fazer o mal, se não quiser".

Entretanto, foi um ato de mau procedimento - embora completamente inocente - que colocou Louis no caminho da fama. Era véspera de Ano Novo e ele foi comemorá-la, levando uma velha pistola que tinha encontrado num cofre pertencente ao seu padrasto. Afinal de contas, que era uma comemoração sem barulho? Acabava de disparar o último cartucho de pólvora seca quando a polícia lhe botou a mão em cima e o levou ao tribunal de menores. Mandaram-no para o Lar de Enjeitados Para Rapazes de Cor, por dezoito meses, e foi lá que ele aprendeu a tocar cornetim.

Quando foi posto em liberdade, Satchmo foi tocar numa orquestra. Quando podia, fazia mandados para a esposa do grande músico de jazz Joe Oliver ("King"). Em troca, Oliver dava-lhe lições de música. Mais tarde, em 1918, quando Oliver foi para Chicago, ofereceram a Louis o lugar dele em outra orquestra - com a condição de que arranjasse umas calças compridas! Não tardou a tornar-se conhecido como o melhor tocador de cornetim de Nova Orleans.

Oliver sempre insistia com ele para que fosse para Chicago, que era na época a capital do jazz. Num dia de agosto de 1922 Louis arrumou a mala e pegou o tem. Em Chicago logo se revelou um músico melhor do que Oliver, seu antigo professor. Algumas gravações que fez na década de 1920 com seus conjuntos "Hot Five" e "Hot Seven" tornaram-se clássicos do jazz. Nessa altura Louis já tinha trocado o cornetim pelo trompete porque o empresário dele achava que a corneta maior era mais imponente.

As vendas dos discos de Louis fizeram tal sucesso que ele decidiu excursionar pela Europa. Quando voltou para uma segunda excursão pela Europa, em 1933, foi recebido em todas as capitais, segundo um repórter, "como um monarca em visita". Em Copenhague, 10.000 pessoas foram recebê-lo e aclamá-lo na estação. Foi recebido pelo então Príncipe de Gales (hoje Duque de Windsor), pelo Príncipe Herdeiro da Suécia, pelo Rei da Bélgica e pelo Rei da Itália.

Louis chegou a ganhar 125.000 libras por ano, mas ele não dá a menor importância ao dinheiro. O seu empresário precisa controlá-lo para que ele não dê demais aos outros!

Como a maioria dos músicos que tocam instrumentos de sopro, Satchmo sofre de uma coisa muito semelhante a calos nos lábios. Usa enormes quantidade de unguento alemão para os lábios, o qual agora tem o nome dele. Também bebe uma mistura de mel e glicerina e usa um gargarejo especial por causa de sua voz naturalmente rouca. Aquela famosa aspereza já foi comparada ao som de "um pedaço de lixa cansado chamando a sua companheira".

- Não há um momento do dia em que eu não esteja fazendo alguma coisa pelos lábios e por essa corneta - diz ele. - Deus ajuda os pobres, mas não os pobres preguiçosos. A única coisa que esses músicos modernos querem é ficar sentados e dar aquela nota aguda e são preguiçosos demais para se manterem em forma para dá-la. Quantos trompetistas modernos seriam capazes de tocar os meus solos? Seria preciso carregá-los par afora em macas.

Nenhum músico de jazz tem recebido tanto louvor dos críticos como Satchmo. O jazz tocado por outros músicos pode ser ruidoso e desagradável, mas como disse um famoso crítico, "nos dedos flexíveis de Louis e em sua voz áspera e estranhamente eficaz torna-se obra de um artista".


*Adaptado de "Mayfair"/**Transcrito do "Livro da Juventude"

Articles View Hits
6740451

We have 765 guests and no members online

Download Full Premium themes - Chech Here

София Дървен материал цени

Online bookmaker Romenia bet365.ro